Tocando música – Skintimacy


‘Skintimacy’ is a skin-based interface developed for a collaborative musical performance.

Skintimacy é uma interface baseada no toque para gerar performances que relacionam o contato entre corpos com sons. É um projeto desenvolvido no Design Research Lab de Berlin, por Alexander Müller, Jochen Fuchs e Konrad Röpke. O sistema é constituído de um circuito elétrico aberto ligado a duas ou mais pessoas, um Arduino, e um software sintetizador de sons. Quando as pessoas se tocam, o circuito elétrico é fechado, gerando um som. O som é determinado por uma série de parâmetros como intensidade e velocidade do toque, uma sonorização desta intimidade corporal.

A abordagem de um dos sentidos (o tato) se mostra particularmente interessante ao ser relacionada a um outro (a audição). Uma apropriação interessante deste sistema poderia envolver mais de um nível de intimidade como o toque intenso e intencional ou um bruto esbarrão com um estranho. O projeto poderia ser complementado com outros sistemas que auxiliem a percepção de que partes do corpo que estão em contato, uma leitura ainda mais abrangente desta intimidade. Ou ainda diferentes perspectivas culturais que apresentem variações quanto a permissividade do toque em gradações de formalidade social. Podendo um abraço ser cotidiano no Brasil, e ser extremamente raro em outras culturas.

Referência: Daniela Kutschat

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s